Minha foto
arine-chan é uma arquiteta que curte comer bem, dormir bem e ama seus amigos e sua família. gosta de um seriado na tv, fazer compras, cozinhar e tem uma preguiça maior que o mundo de fazer faxina. seu lema é: pra que arrumar a cama de manhã se você vai desarrumá-la a noite?

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Karê

Às vezes faço umas incursões pela cozinha e me arrisco no fogão. Até hoje todas as pessoas que provaram da minha comida foram muito boazinhas e ninguém nunca reclamou de nada... Um dos meus pratos preferidos (de comer, porque é muito bom, e de fazer, porque é fácil) é o Karê. O karê tem esse nome porque seu ingrediente principal é o Curry, tempero mais conhecido por estar sempre presente em pratos indianos. Mas o karê, do jeito que é feito pela japonesada, é como um ensopadão, que se come com arroz branco.

Eu faço de um jeito bem simples, mas achei uma receita na revista Made in Japan que é mais incrementada (quem quiser, pode acessar http//:madeinjapan.uol.com.br/2005/09/19/kare/), mas do meu jeito é mais fácil e fica bom também (nunca ninguém reclamou). Ah, também faço tudo meio a olho, ok?
Ingredientes:
- 300 g de carne de boi, frango, ou costelinha de porco; Se for carne de boi, pode usar músculo picado meio grande.

Nesse dia eu tinha essa bandejinha de carne pra estrogonofe no meu freezer.
Pra que esquentar a cabeça então? Vai esse mesmo....

- 50 a 100g de bacon picado (se você já não estiver usando costelinha de porco)


- 4 a 5 batatas grandes (não sei quanto isso dá em peso, peguei o que tinha na geladeira
- 1 cenoura grande
- 1/2 cebola
- 1 porção de vagem (devia ter umas 12)

- 1 tablete de karê (pode-se usar o curry em pó, mas na boa, com o tablete fica beeeem melhor)


Esse curry é o seguinte: pra comprar, você acha em locais onde vendem produtos japoneses (aqui em Londrina tem no mercado Shangri-lá), normalmente eu compro na Liberdade, em SP. Aí, tem na embalagem tem uns números, que indicam se é mais forte ou mais fraco... eu vou pela cor da embalagem: o verde é mais fraco, depois o vermelho (nunca usei) e o preto é bem forte: é o que eu uso sempre! Mais ardido!

- sal a gosto

Modo de preparo:

Lave bem as batatas, vagens, a cebola e a cenoura.
Descasque as batatas (sim, essa parte é chata, mas se você tiver um descascador, igual a esse que eu ganhei da minha mãe, facilita bastante); pra limpar melhor a cenoura, eu sempre raspo a casca com uma faca afiada depois de lavar: ajuda a tirar a terra que fica grudada.



Esse é o descascador de batatas que eu ganhei da mamãe. Muito útil e prático! Acho que eu levo metade do tempo que eu levaria descascando com uma faca...
Corte as batatas em cubos grandes e a cebola em cubinhos pequenos.
Pique as vagens em tiras (procuro sempre tirar as duas pontas fora) e corte a cenoura em rodelas.

Nessa altura do campeonato eu já to com tanta fome que quase como pedaços de cenoura crua. Eu disse "quase", ok!

Numa panela de pressão, refogue a cebola com um pouquinho só de óleo e junte com o bacon. Quando o bacon estiver mais tostadinho, coloque a carne e vai misturando até que ela fique cozida;

Em seguida coloque todos os outros ingredientes: batatas, vagens e a cenoura.
Coloque água até cobrir tudo e feche a panela de pressão.

Deixe o fogo alto até começar a chiar ou apitar (depende do modelo da sua panela); abaixe o fogo e deixe cozinhando por mais ou menos 10 minutos e aí, então, pode apagar.
Se você não tem muita prática em mexer com panela de pressão, não esqueça de jeito nenhum de tirar o ar da panela antes de abrí-la, senão ela pode explodir na sua cozinha; É sério! Conheci uma pessoa que tinha a marca da tampa da panela no teto da cozinha!!
Se você preferir fazer em outro tipo de panela, também dá, mas a batata e a cenoura demooooram pra cozinhar muito mais!
Bom, depois de tirar todo o ar da panela, abra a tampa e coloque o tablete de karê e o sal.


Pra esse tanto de ingredientes eu uso um quadradinho de karê...
Misture bem até dissolver todo o karê. Se o caldo ficar muito ralinho, pode colocar um pouquinho de maizena. Ou maisena. Nunca sei se é com Z ou S, então pode por Amido de Milho mesmo.
Se o computador passasse o cheiro que ficou...

E pronto, pode servir! Dá mais ou menos pra 4 pessoas (dependendo de quem for, né, se for 4 que nem eu, aí só dá pra 3!!) Sirva com arroz branco. Lá no Japão eu comi um karê muito bom, e vinha acompanhado com arroz branco e um filé de frango empanado, ai meu pai... minha boca já ta cheia d'água!
Montei esse prato pra tirar a foto, e depois repeti sei lá quantas vezes!
Ingredientes opcionais:
- vários tipos de verduras e legumes: acelga, repolho, abobrinha e chuchu são os mais indicados. Evite: beterraba (seu karê vai ficar vermelho), berinjela, rúcula (detesto rúcula)...
- Cogumelos ficam muito bons (pra quem gosta, minha prima detesta): champignon, shiitake, shimeji...

terça-feira, 6 de outubro de 2009

Onde foi parar o bom português (e nem é o Manuel)

Hoje entrei no site da Globo.com, e tinha uma matéria sobre o que os japoneses andam fazendo com os carros. Seria tipo um tuning, mas um pouco diferente.

Sem querer dizer aqui se é legal ou não, se é feio ou bonito, comecei a ler os comentários que a galera anda postando. E me assombrei com o péssimo português de praticamente todo mundo! Não sou professora de português, tenho meus errinhos como todo ser vivente normal, mas aff....

Vou colar aqui alguns comentários que quase fizeram meus olhos caírem da cara. Doía de ler. A gente depois pode rir junto. Ou chorar, enfim, a escolha é sua.

Um tal de papaleguas disse: "q coisa mais podre coisa feia meu deus tomara q nao vem pro brasil isso". Esse, nunca ouviu falar de vírgula.

Já o Scooby disse que "os carros ficaram... MEDILCRE..." imagino que ele quis dizer MEDÍOCRE, ahauhauha...

Esse aqui também não ouviu falar de vírgulas, se alguém resolver ler isso em voz alta pode morrer por falta de ar: "Eu morei no Brasil 20 anos e aqui no Japão 8 anosnunca vi os carros do Brasil chegar aos pés dos carros do Japão até os mais baratos são super confortaveis, esses carros da materia são de japas que gosta de coisas diferente eu acho muito legal principalmente quando vc gasta seu tempo fazendo coisas legais saudaveis do que no Brasil que so pensam na violencia roupo se aproveitar dos outros achei lindo bj"

O tal de José aqui, quase me fez chorar: "eu acho meio ezagerado os menos ezagerados sao muito bonitos". É um EXAGERO de ruim!

O texto do Marco Aurélio pedia pras pessoas pararem de falar que tudo o que é brega é coisa de baiano, vou só pescar no texto dele (era enorme) algumas pérolas: "... sei que vcs aqui no sudeste do país convivem com gente que vem do nordeste, na maioria das vezes de origem umilde ..."
e "... da mesma forma que vcs descreminam baianos, nortistas..." "grupos etinicos", "conterrãneos".

Teve um comentário que eu vou postar aqui não pelos erros, mas pela criatividade da resposta. O Turbo respondeu pro Globo Rural: "Globo Rural. Acho que vc anda de jumento. Vai plantar batatas."

O Nishimuta fez questão de gritar seus erros, quase levei um cuspe na cara:
"AI VCS QUE FALAO MAL NUNCA FOI PRA LA!!!
PODE PEGAR O MELHOR CARRO AQUI
Q NEM CHEGA PERTO DELA FMZ!!!
P QUEM DUVIDA PESQUIZA AI"
Sem comentários...

E vou finalizar com o William, olha que gracinha:
"Mewww muitaa viajee issooo....
Creduuu feiooo demaiss..."
Esse, além de escrever errado ainda esquece o dedo na tecla da última letra em todas as palavras...

E acho que nenhum deles ouviu falar de concordância verbal e nominal...
Loading...